Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Polícia Militar capacita profissionais para atuarem em São Luís

Teve início, na manhã desta segunda-feira (27), o IV Curso Especial de Força Tática, promovido pela Polícia Militar do Maranhão (PMMA). No total, 54 alunos, entre policiais militares, civis e federais passarão por um treinamento especializado para combate ao crime em São Luís.

Durante 20 dias, os participantes terão aulas teóricas e práticas sobre atuação em operações que envolvam riscos e combate às ações criminosas. De acordo com a Diretoria de Ensino da PMMA será um rigoroso treinamento tático, com a presença de militares de todas as unidades de São Luís. Antes, todos foram submetidos a testes de aptidão física para ingressarem na turma.

A abertura ocorreu no auditório do Comando Geral da Polícia Militar, no Calhau, e contou com as presenças do diretor de Ensino, coronel Flávio de Jesus; do comandante do Policiamento Especial, coronel Ivaldo Barbosa; do comandante do 9º BPM, tenente-coronel Frederico Pereira, além de oficiais, praças e instrutores do curso.

O diretor de Ensino da Polícia Militar disse que esse curso é parte das ações voltadas para motivar e promover uma qualificação permanente à tropa. “Nosso intuito é formar policiais com conhecimentos especializados e atuais sobre patrulhamento e combate ao crime organizado, inclusive nos presídios, oferecendo atividades que possibilitem atualização de conhecimentos, bem como uma maior efetividade e produtividade dos operadores de segurança em ações de qualquer natureza”.

O curso está sob a coordenação do Comando de Policiamento Especializado (CPE), que tem à frente o coronel Ivaldo Barbosa. Ele disse que, neste primeiro momento, a PM vai formar a turma para trabalhar em municípios da Região Metropolitana de São Luís. A proposta é que o curso seja levado para todo o Maranhão.

“Vamos formar uma força de pronto-emprego rápido, que irá ficar à disposição dos comandantes de batalhões. Queremos, com isso, ter a presença desse grupo no dia-a-dia nas ruas, e mesmo em casos onde se necessite a presença do Choque, que esses homens possam chegar ao local, e fazer frente a quaisquer situações que possam aparecer”, ressaltou.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...