Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Confirmada equipe de transição de Edivaldo Holanda Júnior, veja os nomes

O prefeito eleito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), divulgou na manhã desta quarta (31) a sua equipe de transição, que deverá acompanhar os dois últimos meses da atual gestão e tomar conhecimento da estrutura do governo municipal até a posse de Edivaldo no Palácio La Ravardière, que acontecerá em 1º de janeiro de 2013.

Entre os nomes que constam na lista estão o do vice-prefeito eleito Roberto Rocha (PSB), que comandará os trabalhos. Acompanhado por mais sete componentes, o grupo vai passar um relatório detalhado de todos os setores da prefeitura de São Luís.

Para o vice-prefeito Roberto Rocha, a equipe deverá iniciar o processo de inovação e transparência das contas públicas que deverão marcar os quatro anos de gestão de Edivaldo Holanda Júnior.

“Vamos fazer um trabalho acurado para saber em que condições receberemos a prefeitura. Todos os nomes que estão na lista são nomes que conhecem administração, gestão e transparência. É uma equipe com perfil técnico e que vai fazer um trabalho consensual com a prefeitura de São Luís,” disse.

Instalada a equipe de transição, Roberto Rocha também requereu junto ao vereador e líder do governo na Câmara, José Joaquim (PSDB), uma audiência com o prefeito João Castelo para receber dele o relatório sobre a gestão e as contas públicas. A constituição Estadual define que este relatório deve ser emitido até 10 dias após a proclamação do resultado pela Justiça Eleitoral.

“Fomos colegas de partido e ele (José Joaquim) fez parte da minha chapa para o senado nas últimas eleições, onde era suplente da minha vaga,” lembrou.

Além de Roberto Rocha, constam na lista Délcio Rodrigues e Silva Neto, Pedro James de Souza Guedelha, Linaldo Albino da Silva, Rodrigo dos Santos Marques, Welinton Resende da Silva, Felipe Costa Camarão e Bernardo Felipe Pires Leal. A equipe deverá emitir relatório sobre a situação em que se encontra o governo municipal e entrar em consenso nos dois últimos meses da administração.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Edivaldo define educação e saúde como prioridades para a prefeitura

Edivaldo Holanda Júnior participou de entrevista coletiva nesta segunda (29). Foto: Leno Edroaldo / G1
Edivaldo Holanda Jr participou de entrevista coletiva nesta segunda (29). Foto: Leno Edroaldo / G1

Edivaldo Holanda Júnior, eleito prefeito de São Luís no último domingo (28), revelou quais serão as prioridades para a prefeitura nos próximos quatro anos. Edivaldo afirmou que logo no primeiro dia tomará providências para que as aulas no ensino público comecem em 1º de fevereiro e para que o atendimento nas unidades de saúde seja humanizado.
O próximo prefeito de São Luís afirmou que sua primeira ação de governo será voltada para a regularização do calendário escolar. “Vamos fazer uma força-tarefa conjunta para que as nossas crianças tenham o direito de frequentar a escola dentro do período escolar normal. Vamos trabalhar para reverter esses seis meses que muitas crianças ficaram fora da sala de aula,” revelou.
A saúde pública também será prioridade. Edivaldo lembrou que fortalecerá a parceria com o governo federal através do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que já garantiu recursos para a instalação de mais três Unidades de Pronto Atendimento na capital.
Em entrevista coletiva concedida na tarde da segunda-feira após as eleições em segundo turno, Edivaldo esclareceu diversos pontos sobre as expectativas para os quatro anos de mandato aos jornalistas presentes.
Sobre a transição de governo, que deverá começar nos próximos dias, Edivaldo afirmou que buscará um procedimento tranquilo para que sejam respeitadas a autonomia da administração atual e os projetos que Edivaldo tem para a cidade.
A relação com o governo do estado também será institucional. Edivaldo lembrou de exemplos em todo o país em que prefeitura e estado fazem parte de campos políticos diferentes, mas que trabalham em conjunto para o crescimento da cidade.
“Teresina e Fortaleza, que são logo aqui ao lado, têm união da prefeitura e do governo, apesar de eles fazerem política em campos diferentes. Em São Luís vamos trabalhar para fazer o mesmo,” confirmou.
Edivaldo também foi perguntado sobre a relação que terá com os funcionários públicos municipais e garantiu que os boatos de possíveis demissões não são verdadeiros. “Vamos valorizar os trabalhadores da prefeitura de São Luís e dar condições de trabalho para que o serviço público seja cada vez melhor para aqueles que mais precisam,” disse.
Valorização das festas tradicionais e compromisso com os grupos que promovem a cultura de São Luís também foi pauta. Edivaldo garantiu que vai fomentar o desenvolvimento da cultura de São Luís.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Importância do Trabalho em Equipe nas Organizações

Todos nós procuramos nos tornar importantes para nossos amigos, família, companheiros e principalmente para a organização em que trabalhamos, é comum acharmos que nosso trabalho é algo maior que o nosso emprego. As pessoas procuram fazer parte de um grupo local no trabalho que proporcione estrutura, identidade e realização profissional.
Porém existe certo receio entre as pessoas sobre o trabalho em equipe, muitas acreditam que centralizando o serviço em si mesmo este seria concluído mais rapidamente. A explicação para este pensamento está em experiências desastrosas, que normalmente aconteceram no passado; como trabalhos escolares na época do colégio ou até nos seminários apresentados na faculdade, onde uma ou duas pessoas sempre acabavam fazendo o trabalho pelos outros, ou por falta de iniciativa ou comprometimento de alguns participantes.
A dificuldade em trabalhar com idéias e pensamentos distintos é uma grande barreira para o trabalho em conjunto, porém o mercado de trabalho hoje está mudando, e o individualismo está cada vez mais extinto, para se manter competitivas as pessoas terão que aprender a lidar e trabalhar com os outros. Primeiramente as pessoas que fazem parte de empresas que adotam o espírito de coletividade têm que saber a real diferença entre equipe e grupo de trabalho.
Equipe quer dizer comprometimento, e trata-se de um grupo de indivíduos com objetivo comum, que trabalham por uma conquista respeitando as características e as competências individuais de cada um. Não existe concorrência, as pessoas trabalham em conjunto aproveitando ao máximo o que cada um tem a oferecer, ao contrario de um grupo que não tem objetivos comuns, apenas trabalham juntos, em um mesmo espaço físico ou fazem parte de um mesmo projeto, mas com objetivos e metas individualizados.
As equipes são grupos de trabalho organizados para elaborar um projeto, uma pesquisa, efetuar operações ou efetivar mudanças na empresa e normalmente à missão é determinada pelo "sistema externo", cabendo ao grupo, como "sistema interno" estruturar-se para cumpri-la.
Para lidar com as diversas mudanças e pressões competitivas do mercado de trabalho, muitas empresas, organizações ou instituições reestruturaram a maneira de realizar suas tarefas, optaram por formar equipes de empregados que realizam e tomam decisões sobre o que fazer e como fazer. Essa escolha foi tomada por alguns administradores e gerentes pelo simples fato de que os empregados estão mais próximos do trabalho diário e do empreendimento, por isso possuem informações e conhecimento próprios de como contribuir para um melhor resultado no seu setor.
Essas mudanças interferem diretamente nas metas da empresa; principalmente quando os funcionários desenvolvem o trabalho em um grupo cooperativo e somam as suas aptidões, agregando melhor as funções desenvolvidas por cada um.
Por causa desse trabalho em equipe todos os tipos de funcionários com variados níveis e cargos resolvem problemas, desenvolvem processos e produtos fazendo o negócio funcionar efetivamente.
Hoje em dia os níveis hierárquicos estão cada vez mais reduzidos, apesar do papel central das equipes em todas as áreas do comércio, indústria, educação, governo e organizações muitas pessoas que integram uma equipe têm dificuldade em interagir com as habilidades pessoais, manias e personalidades de outros funcionários, e isso ainda é um ponto que atrapalha no desenvolvimento e no sucesso de uma boa equipe.
É necessário que os líderes das empresas utilizem métodos para uma boa adaptação com relação aos companheiros de trabalho, pois trabalhar em uma equipe realmente sincronizada pode ter um impacto positivo na produtividade da empresa, pessoal e individual dos funcionários aumentando a visão e perspectiva do trabalho de todos envolvidos.
Em relação a isto Maginn (1999, p.11) destaca que:
Os resultados de um trabalho eficiente de uma equipe são notáveis. Pesquisas realizadas em empresas que optaram pelo emprego das equipes mostram que as pessoas que trabalham em equipe são mais produtivas, com menos perda de tempo e de materiais; produzem trabalho de qualidade superior, ficam mais satisfeitas com seu trabalho e deixam os clientes mais satisfeitos.
As habilidades de uma pessoa como um integrante de uma equipe é diferente daquelas utilizadas para a técnica de um trabalho individual. As habilidades técnicas de um funcionário levam ao sucesso, porém, as habilidades técnicas deste funcionário mais as habilidades como integrante de uma equipe, levam ao sucesso do trabalho de uma equipe inteira e consecutivamente ao sucesso da empresa.
Várias pessoas se reúnem somando diversas habilidades, talentos, experiências e formação a fim de compartilhar uma meta ou objetivo em comum de uma forma mais rápida e eficaz. Isso acarreta no sucesso das organizações que conseguem resultados satisfatórios e importantes para o crescimento econômico e melhor colocação no mercado.
Uma equipe é um grupo de pessoas trabalhando juntas para atingir uma meta em que todos acreditam que seria impossível de ser atingidas por pessoas trabalhando sozinhas.

Autor: Ana Rabello de Macedo Posso

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Centenas de jovens advogados se reúnem para discutir suas carreiras

Centenas de advogados em início de carreira de todo o Brasil estão em São Luís onde participam no Centro de Convenções do Hotel Pestana do XI Encontro Nacional dos Jovens Advogados. O evento foi aberto nesta quarta-feira com a palestra do presidente da OAB/MA, Mário Macieira, seguida da exposição da professora Maria Sylvia Zanella Di Pietro sobre “O Papel das Carreiras Jurídicas no Controle da Administração Pública” prossegue até esta quinta-feira. Cerca de 800 pessoas entre profissionais e acadêmicos de Direitos estão inscritos.

O evento trouxe a São Luís o presidente da Comissão Nacional de Apoio ao Advogado em Início de Carreira, Ruy João Ribeiro Júnior e os membros da referida comissão Pedro Zanette Alfonsin e Maragarete Marillac de Souza, os presidente das Comissões de Jovens Advogados da Seciconal do Acre, Thiago Vinicius Gwozdz Poersch; da Seccional de Pernambuco, Gener de Souza Serralva Rodrigues; da Seccional de Goiás, Enil Henrique de Souza Neto; da Seccional da Paraíba, Expedito Leite da Silva Filho; da Seccional de Minas Gerais Fabrício Souza Cruz Almeida; da Seccional do Paraná, Maurício Barroso Guedes; da Seccional de Rondônia Fabiane Martini; da Seccional de Sergipe Cristiano Pinheiro Barreto e da Santa Catarina Gustavo Szpoganicz Guedes.

Durante a palestra de abertura, Mário Macieira destacou a importância do evento para a advocacia maranhense, notadamente para os profissionais em início de carreira, que formam 43,88% dos advogados inscritos na Seccional Maranhense. “Para a OAB é muito importante discutir as questões, as angústias que vêm com o começo da profissão” disse. Mário reconheceu que todo começo é difícil, pois o profissional tem o desafio de manter-se fiel aos seus desejos e vocações aliados à subsistência.

Na sequência de sua palestra, Mário Macieira defendeu a necessidade de uma maior participação política dos jovens profissionais em suas Seccionais. Disse que uma das formas de ampliar a atuação desses advogados é garantir a redução para três anos de inscrição na Ordem como condição para concorrer a um cargo eletivo nas Seccionais. Atualmente, são exigidos cinco anos de inscrição para que o profissional participe do processo eletivo da OAB. Mário concluiu sua palestra afirmando que as questões dos jovens advogados são também questões dos advogados de uma maneira geral, de toda a classe e de toda a OAB.

A noite do primeiro dia do Encontro foi encerrada com a palestra da professora Maria Sylvia Zanella Di Pietro, que discorreu sobre “O Papel das Carreiras Jurídicas no Controle da Administração Pública”. Maria Sylvia falou do desafio que é exercer a advocacia pública, considerando que muitos dos profissionais dessas áreas não têm independência funciona e estabilidade. “Em muitos casos a advocacia pública é vista como algo que atrapalha”, lamentou a professora. Na opinião da especialista, é fundamental que a estabilidade na área da advocacia pública para que o advogado não se sujeite à ordem da autoridade e exerça, dessa forma, o controle da legalidade.

Compuseram a mesa de aberta do XI Encontro além do presidente da OAB/MA, Mário Macieira, o presidente da Comissão Nacional de Apoio ao Advogado em Início de Carreira, Ruy João Ribeiro Júnior, representando o presidente do Conselho Federal da OAB, Ophir Cavalcante Júnior, o desembargador José Barros de Sousa, representando o Tribunal de Justiça, a vice-presidente da OAB/MA, Valéria Lauande Carvalho Costa, o diretor tesoureiro da OAB/MA, Valdênio Nogueira Caminha, os Conselheiros Federais, representantes da Seccional Maranhão, Raimundo Ferreira Marques, Ulisses Sousa e Guilherme Zagallo, o presidente da Comissão de Jovens Advogados da Seccional Maranhão, Carlos Brissac Neto, o diretor da Escola Superior da Advocacia do Maranhão, Carlos Eduardo Lula, o presidente da CAA/MA, Gerson Nascimento, além da palestrante Maria Sylvia Di Pietro.

Segundo dia - A manhã do segundo dia de programação do XI Encontro Nacional de Jovens Advogados, aberto na última quarta-feira (17/10) no Centro de Convenções do Hotel Pestana, foi marcada por palestras com temas atuais e de interesse dos 930 advogados, estagiários e estudantes de Direitos inscritos no evento.

A primeira palestra foi “Sem Prerrogativas não há Advocacia”, proferida pela vice-presidente da OAB/MA, Valéria Lauande, que falou para o público presente sobre a dignidade profissional, o problema das violações das prerrogativas e de como tem sido o trabalho da atual diretoria da Seccional no sentido de promover campanhas para combater possíveis humilhações e desprestígios ao exercício da profissão.

Logo depois, foi a vez do conselheiro Federal pela OAB/MA, Guilherme Zagallo, discorrer sobre o Processo Judicial Eletrônico (PJE) e seus avanços pelo Brasil afora. “Atualmente, há 40 sistemas de processo eletrônico em funcionamento no país e todos eles tem regras diferentes umas das outras. Atualmente, temos 25 tribunais do Trabalho, 107 Varas e mais de 65 mil processos exclusivamente eletrônicos”, informou aos jovens advogados da platéia.

O terceiro palestrante foi o também conselheiro federal pela OAB/MA, Ulisses César Martins, que abordou “Desafios aos Jovens Advogados”. Logo no início da palestra, ele lembrou que ninguém nasce advogado ou se torna advogado simplesmente porque foi aprovado no Exame de Ordem. “É no exercício profissional que nos tornamos advogados. É na luta (e na pressão) que somos forjados”, afirmou.

O estudante de Direito, Francisco Raillem Teixeira, elogiou os temas debatidos nas palestras. Para ele, eventos como o Encontro Nacional de Jovens Advogados proporcionam debates sobre as tendências na profissão e os assuntos de maior interesse da categoria. “Sendo que isso não é feito de qualquer forma, a gente ver que um preparado, um estudo por parte dos palestrantes para trazer esses debates para nós.”, declara.

O evento encerra-se com a palestra roferida pelo diretor-tesoureiro da OAB, Miguel Cançado, que representará o presidente do Conselho Federal, Ophir Cavalcante.

Programação

17h30 – Precedentes Judiciais

Dr. Wanner Franco

18h30 – O Advogado e o Processo Civil Contemporâneo

Dr. Leonardo Carneiro da Cunha

Palestra de encerramento

Dr. Miguel Cançado

Fonte: OAB

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Encontro Nacional dos Jovens Advogados em São Luís começa nesta quarta-feira, 17/10

Evento é promovido pela Comissão Nacional de Apoio ao Advogado em Início de Carreira (CNAAI) do Conselho Federal da OAB e a Comissão de Jovens Advogados da OAB/MA.
http://www.oabma.org.br/_files/gallery/Foto

 


Começa em São Luís, nesta quarta-feira, dia 17 de outubro, o XI Encontro Nacional de Jovens Advogados, no Centro de Convenções do Hotel Pestana. O evento que será encerrado na quinta-feira, dia 18/10, terá 11 palestras cujo foco são os desafios da carreira jurídica, defesa de prerrogativas profissionais e as tendências nos diversos campos do direito brasileiro e internacional. Participam do evento, advogados das 27 Seccionais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O Encontro é promovido pela Comissão Nacional de Apoio ao Advogado em Início de Carreira (CNAAI) do Conselho Federal da OAB e a Comissão de Jovens Advogados da OAB/MA. A palestra de abertura será ministrada pelo presidente da Seccional Maranhense, Mário Macieira, que também é professor do Curso de Direito da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e mestre em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Na quarta-feira, após a palestra com Macieira, será a vez da procuradora do Estado de São Paulo (aposentada), e professora titular de Direito Administrativo da USP, Maria Sylvia Zanella, debater o tema “O Papel Das Carreiras Jurídicas no Controle da Administração Pública” para os mais de mil inscritos no Encontro.

“Sem Prerrogativas não há Advocacia” será a primeira palestra da quinta-feira, 18/10, no Centro de Convenções do Hotel Pestana. Ela será proferida pelo advogado criminalista Welton Roberto, conselheiro Federal da OAB, professor da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e doutor em Direito Penal pela Universidade de Pernambuco (UFPE).

Na quinta-feira, também serão debatidos temais como “Desafios aos Jovens Advogados” e “Contribuições do Sistema Interamericano na Proteção dos Direitos Humanos no Brasil", dentre outros. A palestra de encerramento do Encontro será com o presidente do Conselho Federal da OAB, Ophir Cavalcante.

As inscrições ainda podem ser feitas pelo site da Seccional Maranhense, o www.oabma.org.br. Para estagiários com carteira da OAB/MA e advogados adimplentes será cobrada uma taxa de R$ 50,00. Para estudantes e profissionais de outras áreas, serão cobradas, respectivamente, R$ 100,00, e R$ 150,00. A participação no XI Encontro Nacional dos Jovens Advogados de São Luís dará direito aos inscritos a um certificado com 20 horas/aula.

O quê: Encontro Nacional dos Jovens Advogados em São Luís-MA

Quando: 17 e 18 de outubro de 2012

Local: Centro de Convenções do Hotel Pestana, em São Luís

Inscrições: Site da OAB/MA

PROGRAMAÇÃO

Dia 17/10/2012 (Quarta-feira)

17h – Credenciamento

19h – Solenidade de Abertura

19:30h – PALESTRA DE ABERTURA

Palestrante: MÁRIO DE ANDRADE MACIEIRA – Presidente da OAB/MA, Professor do Curso de Direito da UFMA, Mestre em Direito pela UFPE.

20:30h – 2ª Palestra: "O PAPEL DAS CARREIRAS JURÍDICAS NO CONTROLE DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA"

Palestrante: MARIA SYLVIA ZANELLA DI PIETRO

Dia 18/10/2012 (Quinta-feira)

9:00h - 3ª Palestra: “SEM PRERROGATIVAS NÃO HÁ ADVOCACIA.”

Palestrante: WELTON ROBERTO

10:00h – 4ª Palestra: "CONTRIBUIÇÕES DO SISTEMA INTERAMERICANO NA PROTEÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS NO BRASIL".

Palestrante: CAMILA GOMES DE LIMA

11:00h – 5ª Palestra: “O DIREITO INTERNACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS COMO FERRAMENTA PARA O ADVOGADO: ABRINDO NOVOS ESPAÇOS DE ATUAÇÃO.”

Palestrante: LUIZ GUILHERME CONCI

12:00h – Intervalo

14:00h – 6ª Palestra: “DESAFIOS AOS JOVENS ADVOGADOS”

Palestrante: ULISSES CÉSAR MARTINS DE SOUSA.

15:00h – 7ª Palestra: “08 OU 80, DIREITO OU JUSTIÇA? – OS CONFLITOS DO JOVEM ADVOGADO.”

Palestrante: ÁLVARO DE AZEVEDO GONZAGA

16:00h – 8ª Palestra: “FIRMA INDIVIDUAL E A REALIDADE DAS SOCIEDADES DE ADVOGADOS”

Palestrante: MARCO ANTONIO COELHO LARA

17:00h – Coffee Break

17:30h – 9ª Palestra: “PRECEDENTES JUDICIAIS E SEGURANÇA JURÍDICA”.

Palestrante: WENNER FRANCO

18:30h – 10ª Palestra: “O ADVOGADO E O PROCESSO CIVIL CONTEMPORÂNEO".

Palestrante: LEONARDO CARNEIRO DA CUNHA

19:30h – Palestra de encerramento

Palestrante: OPHIR CAVALCANTE JÚNIOR. Presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.

http://www.oabma.org.br/oab-ma-agora/noticia/encontro-nacional-dos-jovens-advogados-em-sao-luis-comeca-nesta-quartafeira-1710-15-10-2012

terça-feira, 16 de outubro de 2012

CORAÇÃO EM FORMA


 

 

Os problemas cardíacos ocupam o primeiro lugar no Brasil, quando o assunto é mortalidade por causa definida, de acordo com o IBGE. Isso significa 300 mil mortes por ano, decorrentes de doenças cardiovasculares. Essas más notícias podem parar por aqui se você ficar longe dos fatores de risco, investir em uma alimentação saudável, na prática de atividade física, e incluir em sua agenda anual a prevenção de saúde, por meio de checkup.

 
O melhor: quem cuida bem do coração e fica longe dos vários fatores de risco para as doenças cardíacas - como taxas elevadas de colesterol, tabagismo e obesidade – evita, além do infarto e outros problemas do coração, várias outras doenças relacionadas a hábitos pouco saudáveis. Nessa lista estão incluídos desde o câncer de pulmão, causado pelo cigarro, até a insuficiência renal crônica.

Um estudo publicado no final de 2007, na revista científica The Lancet, revelou que a grande maioria dos ataques cardíacos pode ser prevista por nove fatores, possíveis de prevenção e tratamento. Entre eles estão: fumo, colesterol elevado, hipertensão, diabetes, obesidade, estresse, baixo consumo de frutas e vegetais, falta de exercícios físicos e consumo de álcool. Batizado de Interheart, o trabalho foi realizado por instituições canadenses que avaliaram 29 mil pessoas de 52 países. Todos estes “nove pontos” correspondem a 90% dos riscos de ataques do coração.

  

MUDANÇA DE HÁBITO


Para deixar seu coração em forma é necessário tomar algumas atitudes:

 fique longe dos fatores de risco

 procure um médico cardiologista, clínico geral ou geriatra para avaliar a saúde de seu coração. Esses especialistas farão um exame clínico e poderão solicitar alguns exames diagnósticos. Se os resultados forem normais, parabéns!

 
Mas lembre-se: se você fuma, não pratica exercícios físicos, fica o tempo todo estressado ou se alimenta mal, a chance dessa realidade mudar é grande.

 
Se, no seu caso, o diagnóstico não for tão animador, acalme-se. A dieta e a prática de 30 a 60 minutos de exercícios diários já auxiliam na prevenção e na diminuição do diabetes, das taxas do colesterol e, consequentemente, do risco para doenças cardíacas. Além disso, você ainda tem à sua disposição um exército de medicamentos eficazes.

“Se as taxas de LDL, de glicemia ou de pressão arterial estiverem muito elevadas, partimos para um tratamento mais agressivo, com remédio. Claro que sempre associamos o medicamento a mudanças no estilo de vida”, explica o Dr. Elias Knobel, cardiologista e vice-presidente da mesa diretora da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein.

 
CORAÇÃO DE MULHER

 Embora o infarto ainda seja mais freqüente no sexo masculino, o problema tem crescido na população feminina. “A prevalência de ataque cardíaco na mulher está aumentando porque elas aderiram aos maus hábitos de vida dos homens. Estão fumando mais e se estressando”, explica Knobel.

E o que é pior: dados mostram que elas acabam morrendo mais de ataque cardíaco do que eles. Após um ano após o infarto, 38% das mulheres morrem, contra 25% dos homens. Isso porque até pouco tempo, elas demoravam mais para chegar ao pronto-socorro porque não imaginavam que as dores no peito se tratavam de infarto. Afinal, doença do coração não era problema de homem? Nos dias de hoje, não mais.

 

NOVOS TRATAMENTOS

A doença do coração é a que teve mais avanço na área de tratamento nos últimos anos. Agora, somente uma pequena população de pacientes cardíacos precisa passar pela cirurgia de revascularização (operação que abre o tórax para colocação de pontes de safena ou mamária).

O que mais se usa, atualmente, para corrigir a aterosclerose (entupimentos de artérias) é a angioplastia feita com a ajuda de um cateterismo. O método restabelece o fluxo sangüíneo nas áreas do músculo cardíaco que deixaram de receber sangue adequadamente. No procedimento, o médico consegue desobstruir o vaso e ainda tem a opção de colocar um stent (um tipo de mola), evitando que a placa de gordura volte a entupir a artéria, dependendo do caso.

SINAIS DE ALERTA

Os problemas cardíacos podem apresentar sintomas mais agudos ou bastante sutis. Fique atento aos sinais abaixo pois, caso ocorram, é hora de ir rapidamente para o pronto atendimento. “Quanto mais rápido o paciente for atendido, maiores as chances de se evitar sequelas e de ter sucesso no tratamento”, avisa o cardiologista Elias Knobel.


 Tontura, fadiga, suor em excesso, aumento da frequência cardíaca, náusea ou vômitos
 Dor torácica intermitente, que pode irradiar para as costas, ombros braços e pescoço
 Sensação de peso e aperto no peito

 Lábios, mãos ou pés com aspecto azulado

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

MPF aponta desvios de R$ 7 milhões da educação na Prefeitura de São Luís

  por

O Ministério Público Federal (MPF) no Maranhão suspeita de desvios da ordem de R$ 7 milhões na Secretaria de Educação da Prefeitura de São Luís. O recursos são referentes ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).
O suposto desvio foi detectado durante a instauração de inquérito civil público para apurar a situação da educação na capital – o ano letivo só começou no segundo semestre na maioria das escolas.
A partir do exame dos extratos das contas correntes do PNAE no Banco do Brasil, os procuradores Regis Richael Primo e Ana Karízia Távora atestaram que, nos último quatro anos, o município deixou de aplicar R$ 20.519.837,00 do que foi repassado.
Mas o saldo bancário é de apenas R$ 13.287.912,88. Desfalque de exatos R$ 7.231.924,12.
Além disso, os recursos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) também deixaram de ser investidos. O município possui em caixa saldo de R$ 1.123.890,27 referentes a esse programa.
Quanto aos recursos fornecidos pelo Fundeb, o MPF identificou a realização de diversos gastos em valores considerados exorbitantes – da ordem de R$ 13 milhões – efetuados sempre ao final de cada mês, “com valores arredondados, e sob a genérica rubrica de “gastos diversos”, gerando forte suspeita de desvio das verbas”.
Na ação em que pede o bloqueio dos recursos – o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e a União também foram processados -, os procuradores são duros em relação à postura da Prefeitura, que deixou de responder a vários requerimentos do MPF.
“É gritante a situação da educação municipal em São Luis e inadmissível que o controle social se encontre totalmente inviabilizado em razão de atos e omissões imputáveis ao Município, ao FNDE e à União Federal. Os problemas da educação em São Luis não decorrem da ausência de recursos públicos federais, porém antes da negligência e incompetência de seus gestores no trato com a coisa pública”, concluem.
O processo tramita na 6ª vara da Justiça Federal no Maranhão. O blog encaminhou à Secretaria de Comunicação pedido de nota sobre o assunto na última sexta-feira (12), mas ainda não obteve retorno.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Nova modalidade de fraude campeou na eleição no interior do Maranhão

Uma nova maneira e fraudar as eleições no interior do Maranhão rolou solta. Na maioria dos casos, o Ministério Público tomou conhecimento, bem como a Justiça Eleitoral, e deixaram passar batido.
 
O método fraudulento foi usado em quase todos os 217 municípios maranhenses. Ele não compra o voto do eleitor para que ele vote em determinado candidato. Na verdade, é feita a compra da omissão do eleitor.
Consiste basicamente no seguinte: entre sábado e domingo, véspera do dia da eleição, os eleitores sãos abordados até mesmo em sua própria residência. O adversário de um candidato, por exemplo, paga para o eleitor ir votar no candidato inimigo.
Então, feito o acordo, o eleitor entrega seu título e carteira de identidade para o negociador, como segurança de que não irá mesmo votar. Os documentos são devolvidos um dia após o realização do pleito.
Em boa parte a omissão custou a cada eleitor quantias que variam entre R$ 50 até 500. Por isso, muitos candidatos que perderam a eleição estão até hoje sem entender como os votos não apareceram nas urnas.
Um caso neste aspecto chamou a atenção, menos da Promotoria e da Justiça Eleitoral, é claro. Em Mirador, em um povoado com três sessões, votam cerca de 320 pessoas. Abertas as urnas, apenas pouco mais de 30 compareceram para votar.
O candidato Pedro Abraão, que tinha a certeza da vitória, perdeu só naquela escolar mais de 250 votos. Ele soube pelos eleitores arrependidos que tinha recebeido para não comparecer às urnas. O MP de Mirador foi certificado, mas fez pouco caso.
O que mais deixou revoltado os aliados de Abraão foram as apostas perdidas, pois a certeza de que iriam ganhar era tamanha que teve gente que perdeu casa, carro, motos, anéis e cordão de ouro. Teve um fazendoro que ficou sem 20 cabeças de gado após o resultado final.
Essa nova modalidade de fraudar as eleições, se não freada desde já, pode influenciar muitos resultados em 2014.

Lance pela virgem catarinense chega a R$ 500 mil, mas pode sair por 2 reais

UOL

Catarina Migliorin, 20, está leiloando sua virgindade pela internet
Catarina Migliorin, 20, está leiloando sua virgindade pela internet

As ofertas pela virgindade da jovem brasileira de Santa Catarina chegaram a US$ 250 mil (R$ 500 mil) no leilão promovido por um reality show australiano. Entretanto, pelo regulamento, ela estaria obrigada a fazer sexo até por US$ 1, caso as ofertas astronômicas não sejam pagas.
O indiano Rudra Chatterjee ofereceu US$ 250 mil neste domingo (7), dia em que aconteceram muitos lances. Lucas Zaiden, de nacionalidade desconhecida, ofereceu apenas US$ 1 (R$ 2). Caso os demais desistam, a jovem terá que aceitar a oferta mínima.
Ingrid Migliorini – que usa o pseudônimo Catarina Migliorini, uma catarinense de 20 anos, está na ilha de Bali, na Indonésia, aguardando visto de entrada para a Austrália há quase 50 dias. O leilão fecha no dia 15 de outubro. No dia 25 ela deverá estar no país para entregar-se ao vencedor, com um laudo médico de virgindade.

Lances

A catarinense diz que usará dinheiro para construir casas populares
A catarinense diz que usará dinheiro para construir casas populares
Os promotores do leilão não divulgam detalhes pessoais dos concorrentes. Rudra já tinha feito antes ofertas de US$ 150 mil (R$ 300 mil), cobertas pelo americano Jack Miller, que chegou a US$ 190 mil (R$ 380 mil).

No domingo, Martin Robinson superou Miller pela primeira vez, oferecendo US$ 200 mil (R$ 400 mil). Rudra então aumentou o valor para US$ 250 mil (R$ 500 mil).
Quanto mais os valores dos lances aumentam, mais atenção o leilão desperta na mídia internacional.
As regras estipulam que a virgem receberá todo dinheiro do lance vencedor. Entretanto, não há garantias de que o ganhador faça o pagamento. Os interessados precisam pagar apenas uma taxa de 50 dólares australianos (cerca de R$ 70) para a inscrição.
Eles podem desistir a qualquer momento, bastando para isto enviar um e-mail para os organizadores – que, por sua vez, ameaçam processar na Justiça australiana quem fizer propostas frias.
Caso o vencedor não pague o que prometeu antes do dia da consumação do ato, a jovem será entregue ao segundo e assim sucessivamente, até que uma das ofertas seja válida.
Hoje já são 13 os lances registrados. O primeiro registro foi de um brasileiro chamado Edson Raimundo, que ofereceu apenas US$ 72 dólares (R$ 144) em 18 de setembro.

Candidato a vereador que só teve o próprio voto se separa da mulher

Do site de humor O Sensacionalista
 
As urnas trouxeram uma surpresa desagradável para o candidato a vereador Jurandir do Jumento, de Flexeiras, Alagoas. Após o fim da apuração, Jurandir teve apenas um único voto, o seu. Assim que chegou em casa após acompanhar a apuração, ele se separou da mulher, Antonia Ferreira, com quem vivia há 25 anos.
“Como pode uma mulher se deitar com um homem e não votar nele?”, perguntava um inconformado Jurandir. Antonia se defende dizendo que o voto computado para Jurandir é dela.
 
“Como ele pode saber que não fui eu que votei nele, se nós dois votamos na mesma seção?”, perguntou a mulher. A parca votação de Jurandir e a separação viraram assunto nas rodas da pequena cidade do interior, que sobrevive da agricultura local.
 
O caso ganhou contornos mais pitorescos porque Juvenal Ferreira, vizinho de Jurandir, teve três votos. Há quem diga que Antonia votou em Juvenal, que teve também o voto de sua mulher. Antonia nega. “Vai ver o Jurandir não teve coragem de votar nele mesmo e inventou essa história”.

Catarina Migliorini de 20 anos já tem data para perder a virgindade

O nome da produção é "Virgins Wanted", do diretor australiano Justin Sisely





A jovem catarinense Catarina Migliorini, 20, já tem data marcada para ter sua primeira vez: dia 25 de outubro. Ela causou polêmica desde que aceitou leiloar sua virgindade como parte de um documentário que conta a história de dois jovens prestes a ter a primeira relação.

O nome da produção é "Virgins Wanted", do diretor australiano Justin Sisely. "É preciso ter muita coragem para expor uma experiência tão íntima e a Catarina chamou a atenção por ser decidida", disse Sisely.

"Ela está na Indonésia tranquila [gravando] e conta com o apoio de um psicólogo", completa o diretor. Quatro garotas desistiram da proposta antes da brasileira
.

Catarina irá perder a virgindade durante um voo que vai da Austrália para os Estados Unidos -para que não haja problemas com legislação de país algum.

A catarinense Catarina Migliorin, 20, está leiloando sua virgindade pela internet e diz que usará dinheiro para construir casas populares

O leilão, realizado pela internet, termina no próximo dia 15. Até o momento, o valor mais alto oferecido equivale a R$ 314 mil.

Pelas regras, o vencedor do leilão ficará ao menos uma hora com a garota e o ato não será filmado. Ele deverá usar camisinha, não poderá usar brinquedos sexuais nem levar outra pessoa. Beijar também não faz parte do contrato.

O homem só será identificado se desejar. "Mas nossa intenção é que ele mostre o rosto. De qualquer modo, vamos entrevistá-lo para saber como foi a experiência", conta o diretor.

Ele confessa que não entende por que alguns homens ainda têm o desejo de romper um hímen, mesmo tendo que pagar um alto preço por isso. Depois de consumado o ato, Catarina voltará para o Brasil, onde o documentário será finalizado.

Com parte do dinheiro ganho no leilão, ela pretende construir casas populares para famílias pobres em Santa Catarina, onde nasceu. Ela disse ainda que o leilão é apenas um negócio e que nunca deixou de ser romântica e acreditar no amor.

Assim como Catarina, o russo Alexander Stepanov, 21 anos, também está leiloando a virgindade. Mas, enquanto a brasileira terá sua primeira vez com um homem, o jovem o fará com quem der o maior lance, mulher ou homem.
Fonte: http://www.midianews.com.br/conteudo.php?sid=6&cid=135544

terça-feira, 9 de outubro de 2012

A Justiça do Maranhão…

Que Justiça é esta, em que advogados são presos por formação de quadrilha, fraudando benefícios do INSS ou atuando criminosamente em Detrans e outros órgãos?
Que Justiça é esta, que tem mais de 60 juízes respondendo a processos por enriquecimento ilícito?
Que Justiça é esta, que tem desembargadores especializados em mudar sentenças – inclusive transitadas em julgado – usando argumentos criminosos em seus despachos.
Que Justiça é esta, que tem juízes acostumandos a acelerar ou paralisar processos, de acordo com a conveniência de seus próprios interesses?
Que Justiça é esta, onde sentenças são dadas apenas com o intuito de atender a interesses pessoais dos próprios magistrados para, em seguida, serem reformadas como se nada tivesse acontecido?
Que Justiça é esta, com serventuários acostumados a manipular a tramitação de processos, escolhendo, em troca de dinheiro, juízes adequados a cada procedimento?
Esta é a penas a Justiça do Maranhão.
 

“A luta continua”, afirma Wellington do Curso

Caríssimos eleitores, é com os olhos no futuro que me dirijo aos cidadãos e cidadãs que acreditando na força da Justiça brasileira e na possibilidade da mudança, atribuíram a mim o seu voto de confiança e consciência. Mirando naquilo que São Luís precisa para ser uma cidade melhor eu agradeço a confiança que me foi creditada.


Portanto, esclareço: o seu voto não foi em vão! Apesar de aparecer com “zero voto” durante a apuração e divulgação pelo TSE e nas reportagens dos mais diversos meios de comunicação, saibam que eles estão lá! Computados e guardados até o término da batalha que travamos ao longo dos últimos 97 dias, com o objetivo de ser seu representante na Câmara Municipal de São Luís. Como minha vida foi construída sobre desafios e isso me estimula, por enquanto, aguardemos a decisão do TSE.

Em todo esse processo, elevo a Deus o meu agradecimento, porque é no Criador que deposito minhas maiores esperanças. E agradeço, particularmente, a todos aqueles que me honraram com o seu voto consciente e reitero o compromisso lançado na oportunidade em que fiz a opção pela carreira política: fazer com que o eleitor sinta orgulho de sua escolha.

Com esse pensamento, e apoiado na fé em Deus que ilumina minha vida, continuarei lutando com determinação, pois NÃO DESISTIR é a lição que tiro de todo este episódio e – mais do que nunca – continuar acreditando na RENOVAÇÃO E NA POSSIBILIDADE DE MUDANÇA NA POLÍTICA.

Aproveito a oportunidade para parabenizar a todos os vereadores eleitos e reeleitos, e em especial ao Professor Lisboa, meu amigo e professor do Curso Wellington, juntamente com a Vereadora Rose Sales.

Muito Obrigado. “A luta continua.” E que Deus nos abençoe!

“Os que confiam no SENHOR serão como o monte de Sião, que não se abala, mas permanece para sempre.”

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

IItapecuru-Mirim: Rádio Alvorada FM e o programa Conversando com o Povo


Nos anos de 2003 a meados de 2006, Evan de Andrade, diariamente apresentava o Programa Conversando Com Povo na Rádio Alvorada FM, no município de Itapecuru-Mirim. Jornalismo, cultura, entrevistas e debates. Sempre a serviço da população dos órgãos e entidades da cidade.

O programa Conversando com o Povo entrou na história do rádio itapecuruense por comandar, pela primeira vez, uma transmissão sobre debates políticos com os candidatos Junior Marreca e Zezinho Machadem. A transmissão aconteceu em cadeia com todas as rádios dos municípios e carros de som que ecoaram nas ruas... Personalidades com Teresinha Rego e o Senador Lobão também foram entrevistado pelo programa.

Robert Lobato, Rogerio Maluf e Evan de Andrade

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...