Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Para FHC, nem Lula garante vitória do PT

República Fernando Henrique Cardoso
 
O ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou que o PT corre o risco de perder a próxima eleição mesmo se o candidato for o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, uma vez que "a situação no Brasil não é boa".
 
"Eu não sei se o Lula vai ou não ser candidato. É arriscado, ele também pode perder. Do jeito que as coisas estão, a percepção do povo vai mudando rapidamente", disse o ex-presidente do PSDB em entrevista ao jornalista Roberto D'Avila, veiculada neste domingo (11) pelo canal Globonews.
 
Com base em pesquisas, aliados do petista sustentam que a candidatura de Lula garantiria uma vitória fácil do partido no pleito de outubro e defendem que ele entre na disputa no lugar da presidente Dilma Rousseff.
 
Na entrevista, FHC afirmou que a má situação do país deve ser creditada ao petista. "Atribuem a quebra de confiança à Dilma, mas as políticas começam na segunda parte do segundo mandato do Lula. Depois da crise mundial, os que estavam no governo acharam: vamos aumentar o crédito, vamos aumentar o consumo'. Esqueceram que isso sem investimento cria problemas", disse o tucano na TV.
 
FHC também criticou Lula pelo fato de o petista ter negado a existência do esquema do mensalão em entrevista à imprensa de Portugal. Ao falar sobre a necessidade uma reforma política no país, o tucano ainda disse que Lula não se empenhou em mudar o atual sistema.
 
"Eu tinha um propósito: reformar a Constituição. Depois o presidente Lula veio para nada, e não reformou Constituição nenhuma. O que ele queria? Hegemonia, dominar tudo. E deu no mensalão. Ele [Lula] diz que não aconteceu. Todo mundo sabe que houve o mensalão."

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...