Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Editora Abril e sindicato firmam acordo para demitir jornalistas

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Paulo e a editora Abril entraram em acordo nesta segunda-feira (12) para demitir 71 jornalistas para reestruturação da empresa. Os cortes foram anunciados no começo de agosto.
 
O acordo, firmado durante uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2), prevê um pacote de benefícios aos jornalistas demitidos, como o pagamento de 2,5 salários nominais a título de indenização. Os jornalistas ainda receberão as verbas rescisórias e terão os planos de saúde prorrogados por mais seis meses, além de contar com a oferta de outplacement.
 
O efeito das demissões havia sido suspenso na última sexta-feira (9), pois não havia acordo entre as partes. O sindicato da categoria pedia mudanças no pacote de benefícios oferecidos aos jornalistas. A entidade sindical afirmava que o pacote só beneficiava os altos cargos, como executivos e gerentes, e prejudicava repórteres e redatores. A editora demitiu 150 profissionais, ao todo, e fechou as revistas Bravo! Lola, Gloss e Alfa.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...