Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Presidenta Dilma indica Rodrigo Janot para procurador-geral da República

A presidenta da República, Dilma Roussef, indicou, no último sábado, 17/8, o subprocurador-geral da República Rodrigo Janot para o cargo de procurador-geral da República, que também preside o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A indicação de Janot será submetida à sabatina pela Comissão de Constituição
Carregando...
, Justiça e Cidadania do Senado Federal, em data ainda a ser marcada. Após, o nome terá de ser aprovado pelo Plenário daquela instituição.
 
Em abril deste ano, Rodrigo Janot ficou em primeiro lugar na lista elaborada pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), com 511 votos.
Currículo - Rodrigo Janot Monteiro de Barros é bacharel em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (1979), especialista em Direito Comercial e mestre em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (1986). Além disso, possui especialização na Scuola Superiore di Studi Universitari e di Perfezionamento S. Anna, Pisa/Itália (de 1987 a 1989), na área de meio ambiente e consumidor.
Janot ingressou na carreira de de procurador da República em 1984. Foi procurador-chefe substituto da PR/DF de 1984 a 1987. Promovido a procurador regional da República em maio de 1993 e a subprocurador-geral da República em outubro de 2003, com atuação perante o Supremo Tribunal Federal.
Foi coordenador do Meio Ambiente e dos Direitos do Consumidor da Procuradoria Geral da República de 1991 a março de 1994; secretário-geral do Ministério Público Federal - julho de 2003 a julho de 2005; coordenador-geral do Centro de Pesquisa e Segurança Institucional do Ministério Público Federal CPSI/MPF; diretor-geral da Escola Superior do Ministério Público da União; e membro da 7ª, 3ª e 5ª Câmaras de Coordenação e Revisão do MPF.
Também foi professor titular de Direito Processual Civil I da Universidade do Distrito Federal até 1995 e secretário de Direito Econômico do Ministério da Justiça de abril a dezembro de 1994.
Janot ainda foi presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) de maio de 1995 a maio de 1997 e foi, por três vezes, conselheiro do Conselho Superior do MPF.
Com informações da Procuradoria-Geral da República

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...