Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

quarta-feira, 1 de abril de 2015

DILMA: Aumento de combustível determina reajuste de 16% na tarifa de ônibus

Diante de uma ameaça de paralisação do sistema de transporte, por não cumprimento do que foi acordado na Procuradoria do Trabalho pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET) e Sindicato dos Trabalhadores de Transporte Rodoviário do Maranhão (STTRE), o que traria a instabilidade do serviço para os usuários de transporte público, a tarifa de ônibus da capital será reajustada em 16% a partir de domingo (29). O valor anunciado durante coletiva nesta sexta-feira (27) pelo SET e pela SMTT é bem menor do que o anterior reivindicado pelos empresários, de 30%. O aumento de insumos como o combustível e pneus também foi decisivo para o reajuste no valor da tarifa.

O impacto menor do realinhamento de preço para os usuários de transporte coletivo só foi possível depois de muitas negociações entre a Prefeitura e representantes do SET. A Prefeitura não aceitou o reajuste de 30% e os empresários tiveram ceder aos 16%. Durante a coletiva, Canindé Barros contou que deste quinta-feira, quando o sindicato patronal saiu da reunião com a Procuradoria do Trabalho, foi encaminhado documento para a Prefeitura solicitando reunião para que fosse discutido o repasse do aumento de tarifa no que diz respeito aos insumos que incidem sobre o transporte público.

A falta de um acordo entre o SET e a Prefeitura no que diz respeito a esse repasse poderia gerar paralisação do setor, pelo não cumprimento do que foi acordado na Procuradoria do Trabalho no que diz respeito ao alinhamento do reajuste, de 8,5% dado aos trabalhadores do transporte. "Diante disso fomos obrigados a realinhar a tarifa de ônibus, mas buscamos um valor bem menor do que o apresentado pelo sindicato patronal", enfatizou o secretário Canindé Barros.

Com o realinhamento de preço, as passagens passam de R$ 1,60 para R$1,90, a de R$ 1,90 para R$ 2,20 e a de R$ 2,40 para R$ 2,80, o que dá uma média tarifária de R$ 2,66. Se fosse dado o aumento reivindicado pelos empresários, o valor chegaria a R$ 3,10. "O percentual de 16% é para cobrir dos insumos, tais como óleo diesel e manutenção dos veículos", disse o secretário.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...