Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

sexta-feira, 11 de abril de 2014

SSP e SES auxiliam recuperação de usuário de drogas que vivem em ruas

 
Uma operação das secretarias de Estado de Segurança Pública (SSP) e Saúde (SES), com a participação do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CapsAD), realizada na quinta-feira (10), realizou um trabalho de assistência social com dependentes químicos de diversos pontos no Centro Histórico Madre Deus, Fonte das Pedras e da Areinha, em São Luís. O intuito é oferecer aos usuários atendimento médico, psicológico e social. O trabalho da SSP foi realizado por meio da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC) e da Supervisão de Áreas Integradas de Segurança Pública da área Oeste (Saisp).

De acordo com o delegado Joviano Furtado, do Saisp Oeste, que coordenou a operação, já foram realizadas, desde o ano passado, 15 ações desta natureza, com assistência a cerca de 300 pessoas. Ao aceitarem o atendimento, as pessoas receberam alimentação e foram encaminhados ao tratamento visando a recuperação.

O delegado Joviano Furtado disse que as ações feitas pela polícia Civil e Caps AD visam orientações com profissionais qualificados. “Queremos que eles compreendam o risco do consumo de drogas. Além disso, tem a finalidade de reinseri-los na família”.



Tratamento

De acordo com o diretor do CapsAd, Marcelo Soares, a equipe de saúde orientam, oferece banho, refeição, atendimento médico, acompanhamento terapêutico e social. “Depois é feita a entrevista em que o paciente é questionado se gostaria de participar de um tratamento”. As pessoas que aderirem ao serviço são submetidas a exames e depois recebem atendimento de uma equipe multidisciplinar composta por enfermeiros, psicólogos, assistentes administrativos e sociais, que são responsáveis pelo contato com a família e outros registros.

A Terapeuta Ocupacional, Morgana Abtibol Vale Lobão, que atende paciente no CapsAd, informou que durante o tratamento é feito um levantamento do histórico de cada paciente. Quando o paciente opta por participar do tratamento, diversas instituições que atuam como parceiros realizam palestras com os usuários.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...