Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Ricardo Murad discute melhorias com direção da Associação dos Delegados de Polícia Civil do Maranhão

O secretário de Estado de Segurança Pública, Ricardo Murad reuniu-se com representantes da Associação dos Delegados da Polícia Civil do Maranhão (Adepol) nesta terça-feira (8), na sede da SSP. O encontro teve como objetivo estreitar relacionamentos e discutir melhorias para a categoria.

Na ocasião, a diretoria da Adepol entregou a Ricardo Murad um documento com nove reivindicações. Os representantes dos delegados de Polícia deram boas vindas ao secretário de Segurança e declararam apoio à nova gestão.

O secretário Ricardo Murad afirmou que o Governo do Estado está disposto a buscar sempre o entendimento com os delegados da Polícia Civil. Ele disse que analisará criteriosamente cada reivindicação para dar respostas à categoria. Ele também solicitou um levantamento sobre o efetivo das polícias Civil e Militar, com a informação do número de policiais que serão incorporados após a nomeação e posse dos aprovados no último concurso público.

"Tivemos um encontro muito proveitoso. Foi uma boa oportunidade para ouvirmos o pensamento da Adepol em relação às demandas e a situação dos delegados. Vamos estudar o documento para que possamos, nas próximas reuniões, dar início às deliberações sobre os anseios desta categoria. É apenas o início de uma série de encontros e de rodada de discussões que teremos permanentemente", destacou o secretário Ricardo Murad.



Presos em delegacias

Em relação à existência de presos em delegacias, Ricardo Murad disse aos representantes que o governo permanece com o mesmo posicionamento, que é o de construir unidades prisionais regionalizadas, visando retirar todos os detentos que ainda se encontram custodiados nos distritos policiais. Na capital, essa situação já foi solucionada.

Segundo informou, durante o processo de transferência, alguns presos já foram retirados das delegacias de Polícia Civil. Após sanar o problema da permanência de detentos nos distritos, a atuação e o trabalho de investigação da Polícia Civil deverão ser ampliados.

A SSP já entregou novos prédios das delegacias regionais como Santa Inês, Codó, Presidente Dutra e Balsas. Nessas cidades, os presos hoje estão ocupando o prédio onde antes funcionava a delegacia, e que foi cedido para a Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap). Rosário, Bacabal, Viana, Nova Iorque, Estreito e São Pedro D'água Branca também deverão ser transformados em estabelecimentos prisionais para receber presos das suas respectivas circunscrições.



Investimentos e obras

Em relação aos investimentos em melhorias estruturais, Ricardo Murad lembrou que o Sistema de Segurança Pública tem destinado vultosos recursos na aquisição de modernos equipamentos, viaturas e armas para reaparelhar as forças policiais. Até o próximo mês a SSP deverá entregar mais 700 novos veículos, que serão empregadas no patrulhamento e nas investigações policiais em todo o Estado.

O chefe da Segurança citou que a Polícia Judiciária em todo o Estado tem aumentado o número de prisões e da rapidez na elucidação de casos e crimes. Essa ascensão na produtividade é resultado do trabalho que foi implementado pela gestão anterior e que será intensificado, com as mudanças estruturais e funcionais e com o empenho dos profissionais da Polícia Civil.

No plano de obras que estão sendo executadas pela Secretaria de Segurança Pública, para o interior, estão incluídas as construções das delegacias de Açailândia, Peritoró, Viana, São Mateus, Santa Inês, Bacabal, Pinheiro, Barra do Corda, São Bento, Bom Jesus das Selvas. Além disso, estão sendo reformadas e ampliadas as delegacias de Barreirinhas, Caxias e Penalva.

Em São Luis, estão em andamentos as obras de adaptação e modernização de um prédio no Parque Bom Menino, no Apicum, onde será instalado o plantão que antes funcionava na Refesa, o 1º DP, as delegacias de Costumes e Diversões Públicas, Meio Ambiente, Fazendária e a Polinter.

Já tiveram início também as reformas dos distritos policiais do Vinhais (4º), Cohab (6º) e Turu (7º), o Instituto de Identificação do Maranhão (Ident/MA), bem como do Setor de Inteligência da Polícia Civil (SAIE).



Avaliação

O presidente da Adepol, delegado Marconi Chaves destacou a importância da reunião com Ricardo Murad. "Este é o primeiro contato da Adepol com o novo secretário de Segurança. Avaliamos este momento como muito promissor, onde estabelecemos uma abertura para o diálogo. Ele se mostrou muito compreensivo com algumas demandas e nos pareceu disposto a buscar soluções para questões que estamos pleiteamos há algum tempo", comentou.

Ricardo Murad informou que parte do déficit no efetivo da Polícia Civil será solucionado com o ingresso de mais 70 novos delegados. A prioridade da Secretaria de Segurança é que eles sejam enviados para atender cidades que hoje são comarcas e não têm a presença da Polícia Judiciária.

"Pretendemos continuar debatendo com todas as classes para que possamos encontrar soluções conjuntas e ainda identificarmos mecanismos que proporcionem ofertar melhores condições de trabalho a todos os funcionários do Sistema de Segurança", finalizou Ricardo Murad.

Acompanharam ainda a reunião, os delegados Lucas Ribeiro Filho, Gustavo Alencar, Djalma Passos e José Maria Melônio Filho, vice-presidente, orador, ex-presidente e diretor do Conselho de Disciplina da Adepol, respectivamente.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...