Seis por metade de meia duzia...

"aquilo que se faz por amor está além do bem ou do mal". - Nietzsche

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

5 dicas para evitar as compras por impulso na Black Friday



Nesta sexta-feira (29), acontecerá a Black Friday. Mas antes de torrar o seu 13º salário em promoções tentadoras, é bom refletir um pouco sobre consumo consciente. Será que não dá para resistir aos descontos?

O excesso de consumo pode não só te deixar cheio de dívidas, mas também ajudará a esgotar a energia e os recursos do planeta. Segundo o Instituto Akatu, organização que luta em prol do consumo consciente, responder algumas perguntas antes das compras pode ajudar a reduzir os seus impactos no meio ambiente e potencializar as forças que vão ao encontro de uma sociedade sustentável.
Para ajudar a se controlar durante o Black Friday, Helio Mattar, diretor-presidente do Instituto Akatu, listou cinco dicas para evitar as compras por impulso nessa época do ano. Veja a seguir:

1. Por que comprar

Já está com a promoção na sua frente? Pare e faça a pergunta: eu realmente preciso comprar ou trocar? Só vale aproveitar as promoções de produtos que você já precisava independentemente dos descontos.

2. O que comprar

Mas você quer aproveitar as promoções? Antes de tudo, planeje uma lista do que você realmente precisa. Também é nesse momento que o consumidor deve comparar as características dos produtos concorrentes.

3. Como pagar

Devo comprar à vista ou a prazo? Conseguirei pagar as prestações? Grandes descontos não justificam grandes rombos no seu planejamento financeiro.

4. De quem comprar

Nessa época de promoções é ainda mais importante buscar saber se o produto desejado foi produzido pelos diversos fabricantes com cuidados em relação ao meio ambiente, aos trabalhadores e à comunidade. Essa reflexão ajuda a evitar as compras por impulso e leva a fazer uma melhor escolha sobre a empresa fabricante da qual comprar.

5. E como vai ser depois da compra

Antes de comprar a superpromoção, gaste mais um minuto para imaginar: e daqui a um mês, meio ano, um ano? Esse objeto de desejo vai estar encostado num canto da casa pegando poeira? A imagem desse futuro pode te ajudar a não repetir a compra do que você não precisa.

Nenhum comentário:

Faça seu pedido de amizade no FACEBOOK...

Click na imagem...